Joey Logano se dá melhor no duelo dos pilotos da Cup na XFinity Series

A Nascar XFinity Series em Las Vegas foi invadida pelos pilotos da Monster Energy Nascar Cup Series. Foram eles: Kyle Busch, Kyle Larson, Daniel Suarez, Austin Dillon, Ty Dillon, Joey Logano, Brad Keselowski e Aric Almirola. E eles dominaram a corrida, o único que ousou se meter entre eles foi Justin Allgaier que acabou se dando bem, pois acabou marcando o máximo de pontos. A disputa entre os pilotos da Cup foi dura e no fim Logano se deu melhor no duelo particular contra Kyle Larson. Segue abaixo um breve relato da corrida.

Na largada Kyle Busch manteve a ponta seguido de Brad Keselowski com Daniel Suarez colado nele. No terceiro giro o piloto da Gibbs levou a melhor sobre o da Penske. Na volta cinco a primeira amarela foi acionada depois que Stephen Leicht raspou o muro e ficou lento na pista. Bandeira verde novamente na 10 e Kyle Busch sustentou a liderança e Keselowski deu o troco em Suarez e retornou a segunda colocação. Na 15 Kyle Larson também passou Suarez e pulou para terceiro. Na 19 foi a vez de Logano passar por Suarez.

Na 29 Larson assumiu a vice-liderança da corrida ao deixar Keselowski para trás. Na 33 Larson passou pelo Buschinho, mas se atrapalhou com um retardatário e levou o troco. Com três para o fim Logano passou Keselowski na briga interna da Penske pela terceira colocação. Lá na frente Larson não dava refresco para #18, mas Kyle Busch venceu por apenas 67 milésimos. Justin Allgaier foi o piloto XFinity Series melhor colocado, na quinta colocação. Os pilotos foram para os pits e Larson voltou na ponta seguido de Logano e Kyle Busch voltou em terceiro.

Os pilotos voltaram a ação na 52 e Larson permaneceu na frente seguido de Buschinho que superou Logano no recomeço. Brendan Gaughan, com problemas no carro, ficou lento na pista na 57. Lá na frente Logano deu o troco em Kyle Busch pelo segundo posto. Com 20 voltas para o fim do segmento Matt Tifft perdeu o carro e bateu no muro causando outra amarela. Relargada com 15 voltas para o fim do segmento e Larson continuou em primeiro seguido de Logano. Kyle Busch perdeu a posição para Brad Keselowski e Justin Allgaier.

Não demorou muito para o safety-car voltou a pista. A causa foi uma rodada de Brendan Gaughan. Os ponteiros pararam nos pits e Keselowski que ficou na ponta assumiu a ponta. A disputa retomou com seis voltas para o fim e Keselowski prosseguiu no comando seguido de Kyle Busch. Lá foram os pilotos que haviam ficado na pista na última amarela na pista e Logano, que não entrou, assumiu a liderança. O safety-car deixou com 102 voltas para o fim e Logano se sustentou na frente seguido de Ty Dillon.

Kyle Busch relargou no pelotão intermediário, mas com pneus novos e começou a devorar os rivais a frente. Em cerca de cinco voltas ele já estava em segundo. Keselowski, com problemas no carro, teve que voltar aos pits em bandeira verde. Com 60 para o fim começaram as paradas em bandeira verde e Suarez foi o primeiro. Logo depois parou Brandon Jones. Logano parou três voltas depois e voltou na liderança da corrida, mas com Buschinho colado nele. Na 160 detritos causaram uma amarela e os pilotos voltaram aos pits. Logano voltou na ponta com Larson em segundo.

A prova recomeçou com 33 para o fim e Logano manteve a ponta com Kyle Busch em segundo. Mas daí foi a vez de Ray Black Jr. rodar e Dakoda Armstrong foi junto e mais uma amarela foi acionada. Bandeira verde novamente na 175 e Logano sustentou a liderança seguido de Kyle Larson e Kyle Busch caiu para terceiro. Seis voltas depois JJ. Yeley rodou e levou o safety-car de volta a pista. Os pilotos voltaram a ação na 187 e Logano permaneceu na frente bastante pressionado por Larson. E a prova amarrou de vez e Tifft rodou novamente e provocou outra paralisação.

A disputa retomou na 196 e Logano prosseguiu no comando depois de uma bela briga contra Larson. Suarez e Austin Dillon também travavam um belo duelo pela terceira colocação. Ty Dillon bateu na última volta, mas a Nascar não chamou a amarela e Logano venceu com Larson em segundo. Justin Allgaier, em quarto, foi melhor piloto XFinity Series. No campeonato Elliott Sadler lidera com 99 pontos seguido de Ryan Reed com 95 e William Byron com 90.

Segue abaixo o resultado final da corrida:

1 12 Joey Logano 200
2 42 Kyle Larson 200
3 20 Daniel Suarez 200
4 7 Justin Allgaier 200
5 2 Austin Dillon 200
6 6 Darrell Wallace Jr 200
7 18 Kyle Busch 200
8 1 Elliott Sadler 200
9 16 Ryan Reed 200
10 22 Brad Keselowski 200
11 00 Cole Custer 200
12 11 Blake Koch 200
13 21 Daniel Hemric 200
14 9 William Byron 200
15 33 Brandon Jones 200
16 48 Brennan Poole 200
17 98 Aric Almirola 200
18 39 Ryan Sieg 200
19 24 Drew Herring 200
20 28 Dakoda Armstrong 200
21 5 Michael Annett 200
22 14 J.J. Yeley 200
23 23 Spencer Gallagher 200
24 3 Ty Dillon 199
25 4 Ross Chastain 199
26 51 Jeremy Clements 198
27 01 Harrison Rhodes 198
28 99 David Starr 197
29 0 Garrett Smithley 197
30 52 Joey Gase 196
31 07 Ray Black Jr 196
32 90 Martin Roy 196
33 40 Timmy Hill 195
34 19 Matt Tifft 191
35 62 Brendan Gaughan 189
36 8 Jeff Green 177
37 78 BJ McLeod 159
38 13 Brandon Hightower 18
39 97 Stephen Leicht 4
40 93 Jordan Anderson 1
the author

Thiago Raposo é um fanático por automobilismo como um todo.

No comments yet.

HAVE SOMETHING TO SAY?