Brad Keselowski supera Kyle Busch 100 vezes na noite para vencer em Richmond

Tá bom, o título está meio exagerado, mas Brad Keselowski “cansou” de superar Kyle Busch na noite desta sexta-feira em Richmond na prova da Nascar XFinity Series. Os dois que costumam duelar sempre que estão na pista, não importa a categoria, protagonizaram mais um espetáculo para os torcedores que foram na pista. Kyle Busch parecia não ter um carro muito bem acertado para longos períodos na pista, pois sempre começava muito bem os segmentos, mas no fim vinha Keselowski e acabava com a festa do #18. Segue abaixo o relato da corrida:

Na largada Kyle Busch manteve a ponta e Brad Keselowski superou Brennan Poole na briga pela segunda colocação. Na 15 foi a vez de Dale Earnhardt Jr. também passar por Poole. Na volta 46 Keselowski foi para cima de Kyle Busch brigar pela liderança e numa bela manobra conseguiu a posição. Na 53 Bobby Earnhardt perdeu o carro, bateu no muro e causou a primeira amarela. Bandeira verde novamente na 60 e Kyle Busch recuperou a liderança. Ty Dillon e Christopher Bell, que pararam nos pits, evoluíram bem e poucas voltas depois deixaram Kyle Busch e Keselowski para trás para liderarem.

Daí para frente não houve mais mudança e Ty Dillon venceu o segmento. Brendon Jones rodou no últinmo giro do estágio. Os pilotos pararam nos pits e Daniel Hemric voltou na frente. Brendon Gaughan ficou na pista para liderar. Os pilotos voltaram a ação na 88 e Hemric pulou para a frente seguido de Ty Dillon, Kyle Busch e Keselowski e Gaughan despencou na tabela com pneus usados. Dillon na sequência foi superado pelo #18 e o #22 e na 96 Kyle Busch voltou para a ponta. Com sete para o fim Keselowski colou novamente em Kyle Busch para disputar a vitória do segundo segmento.

Na última volta ele conseguiu a ultrapassagem para vencer o estágio. Nova rodada de pitstops e Kyle Busch voltou na frente. Relargada na 162 e Kyle Busch continuou em primeiro e Keselowski superou Hemric pelo segundo posto. Cinco voltas depois Ty Dillon também superou o #21. Na 173 Keselowski foi por fora e tomou a liderança de Kyle Busch, mas levou o troco na sequência. Eles seguiram o duelo nos giros seguintes. Kyle Busch aumentou o ritmo e conseguiu desgarrar de Keselowski nos giros seguintes. Com 16 para o fim Keselowski partiu novamente para o ataque para assumir a liderança e partir para a vitória.

the author

Thiago Raposo é um fanático por automobilismo como um todo.

No comments yet.

HAVE SOMETHING TO SAY?